CONHEÇA MELHOR OS PROBIÓTICOS

Afinal, o que são probióticos?

O aumento da expectativa de vida da população brasileira tem resultado em mudanças de hábito, de comportamento e de consumo da sociedade. No Brasil, a procura por produtos mais saudáveis, inovadores, seguros e de fácil utilização vem crescendo a cada dia. A inclusão dos probióticos no hábito alimentar das pessoas faz parte deste movimento pro saúde, levando a uma vida mais plena e feliz.

Probiótico é uma palavra derivada do grego e latin e significa “pró-vida”. No corpo humano, encontramos um exército de aproximadamente 100 trilhões de microorganismos benéficos, divididos em mais de 500 diferentes espécies. Esses microrganismos são adquiridos à partir do nascimento e atuam na defesa do organismo contra fungos, parasitas, bactérias e vírus. A vida agitada, o estresse, a alimentação pobre em probióticos e em fibras, porém rica em farinhas refinadas, doces, gorduras e carnes vermelhas fazem com que tenhamos, na idade adulta, menos de 10% das espécies originais. O resultado disso é uma considerável diminuição da microbiota intestinal (“flora intestinal) gerando, em consequência, intestino preguiçoso e vários outros sintomas, como gases e diarreias, podendo ser, até mesmo, um fator importante na origem de muitas doenças, incluindo tumores malígnos.

Os probióticos podem ser incluídos na preparação de diversos produtos, agregando a eles um alto valor nutritivo e terapêutico. Nos produtos alimentícios, as bactérias e leveduras probióticas, aquelas chamadas benéficas, resistem ao processo de digestão, chegando intactas ao intestino, atuando de maneira positiva na estimulação do sistema imune, prevenindo doenças e defendendo a microbiota intestinal. Dessa forma, elas aumentam a resistência gastrintestinal à colonização por patógenos, otimizando a absorção de minerais e de vitaminas.

Na indústria cosmética e nos medicamentos de uso tópico, os probióticos também começam a ser utilizados. Na derme, os probióticos atuam como antioxidantes, protegendo-a do processo de envelhecimento das agressões do dia a dia. Os produtos dermocosméticos da BioLogicus são enriquecidos com exclusivos extratos probióticos que atuam prevenindo os sinais de envelhecimento, aumentando a elasticidade da pele, reduzindo a descoloração natural, mantendo o complexo cutâneo e defendendo a microbiota da pele, aumentando sua resposta imunológica.
A utilização de probióticos reforça a imunidade estimulando a multiplicação das bactérias benéficas e evitando que quelas potencialmente prejudiciais proliferem.

Entre os benefícios dos probióticos na alimentação diária, destacam-se: melhora acentuada da capacidade de digestão da lactose em indivíduos que são intolerantes a ela, melhora da absorção de minerais e a produção de vitaminas, a prevenção e tratamento de doenças gastrointestinais, infecções vaginais, tumores, entre outros.

Os probióticos ainda auxiliam no tratamento e prevenção dos distúrbios metabólicos dos tratos digestivo e respiratório, aumento nos níveis de vitaminas do complexo B, aminoácidos, cálcio e ferro, da osteoporose e outras doenças degenerativas, que levam a uma diminuição da longevidade.

A Biologicus dispõe de vários produtos que auxiliam no equilíbrio da microbiota intestinal "flora intestinal", aumentam o valor nutritivo dos alimentos e reforçam o sistema imunológico, contribuindo para a prevenção de doenças. Todos os produtos da BioLogicus são isentos de aditivos químicos sintéticos. Nossos produtos fazem bem a você e à natureza.

fechar

Cosméticos – o que precisamos saber

Desde o primeiro banho, começamos a usar cosméticos. Entretanto, será que nos perguntamos que tipo de substâncias estão presentes nos produtos que usamos em nossa pele? Temos a curiosidade e o interesse de olhar os rótulos dos cosméticos e saber o que significam aqueles nomes meio esquisitos?
Já é bem divulgada a questão dos malefícios causados pelos aditivos, principalmente agrotóxicos, em nossos alimentos, mas será que já paramos pra pensar que tais aditivos também estão presentes nos nossos cosméticos?

Nossa saúde depende do equilíbrio bioquímico do nosso corpo, o qual está diretamente relacionando com os alimentos e os líquidos que ingerimos, do ar que respiramos e as substâncias que colocamos em nossa pele. Nossa pele absorve sem distinção todas as substâncias com as quais entra em contato, como os aditivos nos produtos cosméticos usados de higiene pessoal (sabões, detergentes, cremes, loções, óleos, tinturas, etc). Por isso é crucial saber que a maioria dos produtos cosméticos que usamos contém muitos aditivos, corantes e conservantes tóxicos, e às vezes cancerígenos. Logicamente que o uso freqüente de cosméticos com aditivos conduz a um acúmulo destas substâncias ameaçando o equilíbrio bioquímico e estressando os sistemas de depuração e eliminação, principalmente o fígado e os rins.
Os principais aditivos em cosméticos estão nas classes dos conservantes, corantes e fragrâncias. Estes são os principais responsáveis pela maioria das alergias ou reações de sensibilização que acontecem na nossa pele. Pelo fato que essas substâncias se acumulam na epiderme, estamos pondo em risco o equilíbrio dérmico.
A BioLogicus recomenda que o consumidor crie o hábito de ler os rótulos dos cosméticos, assim como seja bem informado com respeito aos ingredientes utilizados em sua formulação.

ENTENDENDO OS RÓTULOS DOS COSMÉTICOS
A primeira coisa para se entender é que os ingredientes cosméticos recebem nomes internacionais (INCI – Nomenclatura Internacional de Ingredientes na Cosmética), sendo colocados na ordem decrescente em relação a quantidade dentro da formulação.
De início, listaremos os aditivos que mais aparecem na cosmética convencional, explicando seus problemas para a pele:

1)PARABENOS – são conservantes que sempre terminam com paraben: butyl, ethyl, methyl, propyl, isobutyl paraben – são conservantes sintéticos, derivados do petróleo, que não tem compatibilidade com a pele (são inorgânicos). Causam várias reações alérgicas e irritações cutâneas. Alguns estudos demonstram que são ligeiramente estrogênicos e que se acumulam no tecido dérmico. Recentemente um estudo comprovou que os parabenos se encontram nos tecidos cancerosos do seio humano demonstrando que os antitranspirantes e outros cosméticos aumentam o risco de câncer de mama (Journal of Applied Toxicology. January 12, 2012: 32(3); 219-232).

2)PROPILENO GLICOL – propyleno glycol – Causa reações alérgicas, urticária e eczemas.

3)TRICLOSAN – utilizado principalmente em desodorantes e antitranspirantes. É um agente antimicrobiano, muito utilizado em cremes dentais, enxaguatórios bucais, detergentes, sabonetes, desodorantes e loções. O Triclosan acumula-se nos órgãos e está associado a perturbações hormonais, asma, alergias e ao aparecimento de bactérias resistentes a antibióticos e produtos antibacterianos. Causa sérios danos ao meio ambiente, terminando em lagos, rios e outras fontes de água, onde é tóxico para a vida aquática

4)FORMALDEÍDOS – usados como conservadores – são tóxicos e reconhecidos como carcinogênicos. Aparecem como: DMDM Hydantoin, Dyazolinydyl urea, Urea Imidazolinydyl, Metenamina, Quaternium 15 e Hidroximetilglicinato de Sódio.

5) PEG (Compostos de Polietilenoglicol) – podem interferi no desenvolvimento físico e danificar o sistema nervoso.

6)BHA (Butilhidroxianisol) e BHT (Butilhidroxitolueno) – são conservadores e antioxidantes. O BHA é tóxico para o sistema imunológico e um possível carcinógeno. O BHT pode ser tóxico para o sistema imunológico, pele, pulmões e fígado. Ambas as substâncias podem causar reações alérgicas, interferindo com as funções hormonais e favorecendo o crescimento de tumores.

7)LAURIL/LAURETH SULFATO DE SÓDIO – um detergente agressivo e barato, utilizado em champus pelas suas propriedades de limpeza e de produção de espuma.

8)ÓLEOS MINERAIS – Paraffinum, Mineral Oil, Petrolatum. São usados como emolientes para melhorar a textura dos cremes e oferecer uma sensação de pele brilhante. Muito usados em batons e protetores labiais, sendo a causa de muitas vezes nossos lábios ressecarem mais se os seguimos usando. Aparentam hidratar, porém a longo prazo, bloqueiam a barreira lipídica natural da epiderme, interferindo nos mecanismos naturais de hidratação do corpo, levando a pele à desidratação. Podem causar alergias em cadeia, irritação crônica, acne, etc.

9)SILICONES DERIVADOS DE PETRÓLEO – Silicone quaternium, Methylsilanol, cera microcristalina, Ozokerit, Ceresin e a Vaselina.

10)DEA (Dietanolamina), TEA (Trietanolamina) - são utilizados para deixar os produtos mais cremosos ou mais espumosos, puramente sintéticos. Podem causar reações alérgicas, irritações nos olhos e desidratação do cabelo e pele. Prejudicam o fator protetor da pele, tornando-a mais vulnerável aos agentes externos. Podem ser tóxicos para os sistemas imunológico e nervoso, podendo reagir com outros ingredientes do produto e formar tóxicos cancerígenos.

11)SILOXANOS – usados para deixar os cosméticos mais suaves, com mais textura. Aparecem como ciclometicona, cyclotetrasiloxano – Há trabalhos que relacionam sua interferência com as funções homo causadores de toxicidade no fígado.

12)CORANTES SINTÉTICOS – são utilizados para “embelezar” os cremes e géis de banho, sendo os principais componentes das maquiagens, tintas e descolorantes. Em geral tem essas sílabas Anilin, Anilid, Acetanilid, ou nomes como HC Orange 3, Acid Red 73, FD & C Red 33, FD & C Yellow 5 e 6, Blue 1, Pigment Green 7, Solvent Black 3. Todos são altamente cancerígenos e/ou tóxicos.

13)FRAGRÂNCIAS SINTÉTICAS – compostos por muitas substâncias químicas, tais como tolueno, cloreto de metileno, etc. Algumas podem conter cerca de 200 ingredientes. Não há como saber quais os produtos químicos que as compõem, porque nos rótulos só vem descritas como “fragrâncias” ou Parfum. O tolueno provoca asma e é neurotóxico. Causam dores de cabeça, tonturas, irritações, hiperpigmentação, tosse forte, vômitos, irritação cutânea. Influem no equilíbrio hormonal, são suspeitas de causar câncer.

14) Compostos de alumínio – Aluminium chlorydrate – usados em antitranspirantes – são muito irritantes e suspeitos de causar Alzheimer.

15)CLORETO DE BENZILDIMETIL (OCTADECIL) AMONIO – Stearalkonium cloride – um composto de amônio quaternário que é utilizado em produtos para cabelo e em cremes. Provoca reações alérgicas e é tóxico.

16) FILTROS SOLARES – evitar Oxybenzone, Benzophenone, Methoxydibenzoylmethane ou Dibenzoylmethane – são filtros cancerígenos que podem causar alergias em cadeia e aparecem inclusive em marcas mais caras e exclusivas.

FAÇA UMA LISTA E LEVE EM SUA BOLSA:
- PARABENOS
- PROPYLENO GLYCOL
- TRICLOSAN
- FORMALDEÍDOS
- PEG
- BHA e BHT
- LAURIL/LAURETH SULFATO DE SÓDIO
- ÓLEOS MINERAIS
- SILICONES
- DEA e TEA
- SILOXANOS
- CORANTES
- PARFUM
- ALUMINIUM CHLORYDRATE

fechar

COMPROMISSO COM A VIDA

Os produtos ecologicamente corretos são produzidos dentro de uma política de consciência ambiental, reciclagem, não poluição, não destruição da natureza e livre de crueldades com animais em todas as suas fases de produção. São consumidos por pessoas que tem compromisso com o a vida e com o futuro do planeta.

A BioLogicus é uma empresa que respeita você e a natureza. Não utilizamos espécies nativas em extinção, e nossa matéria prima não tem contato com agrotóxicos.

Ao comprar um produto ecologicamente correto, procure descobrir se as empresas que utilizam o selo "não testado em animais" realmente não o fazem. Pássaros, ratos, gatos, cachorros, macacos e coelhos são submetidos à crueldades absurdas, como queimaduras químicas na pele ou olhos, sem o uso de anestesia. Sofrem intoxicações, choques e dores terríveis, os levando a morte ou a uma vida de intenso sofrimento. Fique de olho!

Observe os rótulos dos produtos comprados. A presença de substâncias como parafina ou óleo mineral, que são derivados do petróleo, revelam uma prática não sustentável. Um litro de óleo mineral, por exemplo, pode poluir mais de 100 litros de água.

A BioLogicus firma um compromisso público com o consumidor: nossos produtos não contém substâncias derivadas do petróleo ou poluentes, e não fazemos testes em animais.

Divulgue esta ideia!

fechar

LIGUE (81) 4141.4149 ou
(81) 9205.5980
E INFORME-SE A RESPEITO
DAS POSSIBILIDADES
E CONDIÇÕES PARA
ENTREGA À DOMICÍLIO.

fechar

A BioLogicus licencia os seus produtos para as empresas interessadas em trabalhar e divulgar o mundo dos probióticos, criando uma célula de negócios saudáveis.

A BioLogicus também estuda e desenvolve técnicas e produtos para diversas áreas, tendo a biotecnologia, o uso dos probióticos e a sáude como o seu foco. Entre em contato conosco e saiba mais.

fechar



BioLogicus - Ind. e Com. de Produtos Naturais S.A.
Av. Prof. Luiz Freire, 700, salas 15 e 16 - Cidade Universitária - Recife - PE, 50740-540
Email: contato@biologicus.com.br  |  Tel.: (81) 4141.4149 / (81) 9205.5980
CNPJ: 07.057.247/0001-93
Copyright © 2013, BioLogicus, All rights reserved.